Skip to main content

Rotina de estudos: erros que podem prejudicar o aprendizado

Mãe ajudando seu filho nas lições de casa.

Manter uma rotina de estudos que seja consistente e que viabilize o aprendizado de novos conteúdos de maneira coesa é uma necessidade para alunos em todos os níveis e estágios de suas jornadas acadêmicas.

Saber como montar uma rotina de estudos que seja benéfica para o desenvolvimento da criança ou do jovem pode se provar um desafio, em vistas às inúmeras distrações que permeiam nosso dia a dia no mundo moderno.

Nesse post, vamos explorar mais como uma boa rotina de estudos, somada às atividades de autonomia, poderá ser diferencial para o desempenho acadêmico do aluno e quais atitudes podem ser prejudiciais para o aprendizado durante os estudos dentro e fora da escola.

Neste post você verá:

Não ter a atitude correta

Estudar apenas o que gosta ou é fácil

Vamos lá?

Muitos alunos têm dificuldades na hora de manter o rendimento e a concentração no estudos em todas disciplinas escolares. Essa é, então, uma das principais motivações para se criar uma rotina de estudos fora da sala de aula. Dessa forma, criamos o hábito de explorar até mesmo os conteúdos que sejam mais complicados e desafiadores.

Veja alguns dos benefícios que manter um rotina de estudos coesa pode proporcionar além de uma rotina escolar muito mais produtiva:

Otimização no aprendizado

Uma rotina de estudos que seja bem implementada desde a educação básica, será um grande diferencial para o aprendizado da criança. Pois o conteúdo será acessado com maior frequência, o que proverá uma maior absorção e o entendimento do que foi estudado.

Assim, a autonomia da criança será incentivada por meio do seu aprendizado por conta própria e sem o auxílio do professor por perto.

Mais preparação para avaliações

As tão temidas provas sempre são encaradas com ansiedade e receio por grande parte dos alunos. Mas, uma rotina de estudos que seja coesa e que priorize o conteúdo referente à avaliação, muito possivelmente, garantirá um resultado melhor. Sem falar que a familiarização com tema da prova já eliminará os muitos dos medos que rodeiam as avaliações.

Mais organização para evitar o estresse

Seguir uma rotina de estudos com seriedade e dedicação será a chave para que todo o conteúdo a ser estudado esteja bem organizado na cabeça do aluno. Assim, ele estará apto a acessar esse conhecimento de forma autônoma e ainda evitará o estresse de ter de passar longas horas estudando na véspera de uma prova importante.

Agora que já entendemos quais os benefícios de uma boa rotina de estudos, também é necessário saber quais hábitos podem ser extremamente prejudiciais para o aprendizado do aluno.

Aqui estão nove dos erros mais comuns que ocorrem na hora de cair de cabeça nos livros , tanto dentro quanto fora do ambiente escolar.

Não cuidar bem do seu material

Jamais esqueça seu material, sejam livros, apostilas ou cadernos. Além disso, o aluno deve prezar pela conservação de seu material, pois ele será o seu apoio durante todo o processo de aprendizagem. Se algo estiver faltando ou fora do lugar, isso irá prejudicar seu desempenho.

Distrações demais

Sim, vivemos na era da informação e somos continuamente bombardeados por assuntos novos o tempo todo. Portanto, saiba se desligar e priorizar aquilo que é importante no momento de seus estudos! O foco é indispensável agora e o que não se refere ao estudo em si pode esperar.

Não sanar suas dúvidas

Jamais se permita sair de uma aula com dúvidas. Talvez, você possa se sentir intimidado para perguntar diretamente ao professor, mas nada te impede de perguntar a um colega que tenha entendido o conteúdo melhor. A escola e a vida de estudante sempre estarão cheia de dúvidas, não se acanhe na hora de perguntar.

Nada de excessos

Sim, manter sua rotina de estudos em dia é essencial, mas deve haver tempo para descanso e recreação também. Focar exclusivamente nos estudos sem uma válvula de escape para espairecer a mente pode afetar seu rendimento escolar. Permita que o descanso seja o suficiente para melhor absorver o conteúdo que estudou.

Estar errado faz parte do processo

Tenha sempre em mente: ninguém nasce sabendo de tudo. Para chegar ao nível em que seu professor está hoje, ele estudou muito e, da mesma forma, ele também cometeu muitos erros no caminho. Portanto, não se frustre com maus resultados no começo. Encare-os como uma oportunidade de melhoria.

Estude no lugar certo

Hoje, as distrações são quase intermináveis. Então, na hora de estudar fora da escola, um lugar calmo, com poucas pessoas ou, de preferência, onde se possa estar sozinho, é o ideal.
Não permita barreiras entre você e o conteúdo que precisa estudar.

Evite estudar quando estiver cansado

Outro motivo pelo qual uma rotina organizada é tão importante. Caso você se descuide e deixe os estudos de lado, ficará em uma situação em que será forçado a estudar por longas horas antes de uma avaliação importante.

Como já falamos antes, há hora certa para o descanso, sim. Mas, respeitar sua hora de estudos também é igualmente importante, pois se forçar a estudar desesperadamente quando se tem pouco tempo, pode ter o efeito contrário. Com a mente cansada, você não conseguirá memorizar e quanto menos absorver o conteúdo que precisa.

Não ter a atitude correta

Conforme se avança na jornada acadêmica, as responsabilidades se tornam cada vez mais intensas e presentes na rotina estudantil. Entenda, a situação em cada estágio da vida do aluno é distinta e deve ser encarada como tal.

Desde a Educação Infantil, ao Fundamental, Ensino Médio e, por fim, o Superior, vão exigir do aluno competências e habilidades diferentes. Então, esteja aberto para abraçar a  evolução da vida acadêmica  e lembre-se de que quanto mais você resistir às mudanças, mais elas irão persistir.

Estudar apenas o que gosta é fácil

Mesmo que alguma das disciplinas não seja a mais convidativa, seja difícil ou até mesmo chata, lembre-se de que, independente disso, ela não deve ser simplesmente ignorada. Assuma a mentalidade de valorizar todo o tipo de conhecimento que você possa adquirir. 

Para tornar o estudo dessa matéria em particular algo mais palatável, por que não organizar um grupo de estudos com seus colegas? Torne a experiência mais agradável para você mesmo e permita-se aprender com a adversidade por meio da adaptabilidade.

Em conclusão, esses hábitos prejudiciais ao aprendizado podem ser vencidos e até vistos com um convite ao melhoramento, não apenas como aluno, mas como pessoa também.

Já que vencê-los pode ser encarado como um exercício de priorização da produtividade, uma lição que irá muito além da jornada acadêmica e será de serventia para a vida toda.

Para saber ainda mais sobre como uma rotina de estudos bem organizada pode prover os melhores resultados na jornada de aprendizado de um aluno, conheça nosso site e acesse nosso blog para conferir muitas outras dicas e informações valiosas sobre como melhorar seus estudos.

Leave a Reply

dezesseis + seis =